domingo, 15 de julho de 2012

que seja feito ...


o que se traduz é incrível!
com a leveza adorável, amena
decifra a calma.
silencia docemente.
completa como se espera.
o infinito se fecha
no ciclo propriamente necessário.
ler o a muito sentido com a facilidade,
que de tão perfeita
faz pensar que
mais concreto impossível
e sem esse todo, inconcebível.


10 comentários:

  1. Nossa quando o infinito se fecha...Muito bom o texto..

    Eu sou Wíllivan Csran, o Escritor de Brinquedo e dono do EDB: http://escritordebrinquedo.blogspot.com.br/
    no qual espero sua visita!

    ResponderExcluir
  2. Escreve muuuito bem!!

    Parabens!!

    http://blogdoitalogomes.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  3. Amei seu poema.
    Escreve como uma autora de sucesso.

    Sucesso!

    http://rodrigobandasoficial.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  4. Olá :)

    Que gracinha! Simplesmente #adorei

    Beijinhos

    ---
    www.jehjeh.com

    ResponderExcluir
  5. Muito lindo, admiro quem escreve poemas.

    http://pitadadecinema.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  6. Muito lindo o poema, parabéns

    http://missfeminice.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  7. e as palavras que me fazer querer escrever mais ...
    (: obrigada

    ResponderExcluir
  8. Quer ter um texto seu publicado no Divã?
    É essa a proposta da nova coluna do Divã da Tia eni "Como se fosse a primeira vez". Agora as leitoras, blogueiras, escritoras e amantes da arte de escrever podem aparecer no Divã. A coluna será lançada 31.07 e aguarda a sua inscrição através do link abaixo!

    https://docs.google.com/spreadsheet/embeddedform?formkey=dDRjamhMdHBVNGNXZEY4aF9pdlpsUmc6MQ

    ResponderExcluir
  9. Um adorável passeio por suas palavras. Agradeço por me proporcionar tal sentimento. Acompanharei a sua página.

    ResponderExcluir